Usuario :
Clave : 
 
 administrador
Manual del administrador

 Secciones
Palabras iniciales
Suscripción gratis
Artículos
Opiniones
Lecturas para el profesor
Cursos y eventos
Experiencias / Sugerencias didácticas
Reseñas y novedades editoriales
Actividades para clases
Enlaces (links)
Noticias generales
Anécdotas
Cartas de lectores
¿Quieres ser corresponsal?
Publique su artículo
Sobre el autor

E/LE Brasil

 Inicio | Foros | Participa
Buscar :
Estás aquí:  Inicio >>  Noticias generales >>  Língua espanhola estará no currículo do Ensino Fundamental
 
Língua espanhola estará no currículo do Ensino Fundamental
 

08-07-2005. Brasília - O Congresso aprovou nesta quinta-feira em caráter definitivo uma lei que torna obrigatório o ensino de espanhol - como disciplina optativa - aos alunos do quinto ao oitavo ano do Ensino Fundamental em escolas públicas e privadas, informaram fontes parlamentares. Para o Ensino Básico e os quatro primeiros anos o espanhol será facultativo.

A Câmara dos Deputados rejeitou uma emenda do Senado ao projeto de lei. Logo, restaria apenas a sanção do presidente Luiz Inácio Lula da Silva para que a lei pudesse entrar em vigor nos próximos 15 dias. "Já está plenamente aprovado, só falta a sanção do presidente Lula na semana que vem", explicou o deputado Átila Lira, autor do projeto, em declarações à EFE.
Com a emenda, os senadores pretendiam reduzir a oferta de ensino do idioma espanhol a horários fora do cronograma normal de aula. Segundo Lira, isso dificultava a organização dos cursos.
"A nova lei é importante para a educação básica e para a integração do Brasil com os demais países da América Latina e os países hispânicos como um todo", afirmou Lira. O ensino do espanhol "vai permitir a integração em todos os sentidos", incluindo nos setores comercial e cultural, e no futuro "facilitará a criação de um bloco na América do Sul", avaliou. "O Mercosul (bloco formado por Brasil, Argentina, Uruguai e Paraguai) também será beneficiado por essa língua que passará a ser comum", acrescentou.
A aprovação da nova lei provocou discussão no Congresso durante anos. "É um tema complexo, porque altera a lei de diretrizes básicas da educação. Por isso foi muito debatido dentro e fora do Congresso e houve um longo período de amadurecimento", observou Lira. "Alteramos uma lei que deixava o ensino de todas as línguas estrangeiras à livre escolha da escola e dos alunos", explicou o autor do projeto.
Para o resto do sistema educacional, como no Ensino Superior e Técnico, será "a própria demanda criada pelas necessidades sociais" que irá estabelecer as grades curriculares da formação lingüística. As universidades brasileiras oferecem há anos cursos de formação em língua espanhola, motivadas pela influência do Mercosul e dos países hispânicos que fazem fronteira com o Brasil.
Espanha elogia nova lei brasileira sobre ensino do castelhano
A aprovação da lei foi recebida com euforia pelo subdiretor de Cooperação Internacional do Ministério espanhol de Educação e Ciência, Miguel González Suela. "É uma excelente notícia", que faz com que esta quinta-feira seja "um dia de comemoração", avaliou. "Trata-se do espanhol da Espanha e da América Latina", porque ao Brasil "interessa" a riqueza do idioma, "levando em conta seus vizinhos", completou Suela.
González Suela ressaltou que esse foi um "processo longo" e que promoveu intensos debates por muitos anos, mas que traz uma contribuição "muito importante" para a difusão do idioma espanhol. Segundo o subsecretário, a importância da medida é quantitativa, pois cerca de 12 milhões de jovens brasileiros poderão aprender o idioma, e também qualitativa, pois o ensino do espanhol estava limitado ao ensino particular, que detém apenas 10% os estudantes do país.
González Suela ressaltou ainda a integração regional do Brasil no Mercosul, bloco que também é integrado por Argentina, Uruguai e Paraguai. O subdiretor garantiu que o mercado editorial da Espanha e de países ibero-americanos será beneficiado por esta decisão.

fuente: Folha de São Paulo.
fecha: 08 de julio de 2005.
URL:
http://www.estadao.com.br/educando/noticias/2005/jul/07/198.htm
 
 
Diseño y desarrollo por: SPL Sistemas de Información
  Copyright 2003 Quaderns Digitals Todos los derechos reservados ISSN 1575-9393
  INHASOFT Sistemas Informáticos S.L. Joaquin Rodrigo 3 FAURA VALENCIA tel 962601337